No Estado de São Paulo, o INSS vai pagar R$ 5,6 bilhões a 6,7 milhões de beneficiários
Desde o fim de agosto, os beneficiários do INSS estão recebendo a primeira parcela do 13.º salário, junto com o pagamento referente a agosto. No País, o valor total dessa parcela é de R$ 19,8 bilhões, que são pagos a 29,2 milhões de aposentados, pensionistas e outros beneficiários do INSS.
No Estado de São Paulo, estão sendo pagos R$ 5,6 bilhões a 6,7 milhões de beneficiários. A data do pagamento é definida com base no valor da aposentadoria, da pensão, ou do auxílio e também pelo número final do benefício.

O valor da primeira parcela do 13.º para a maioria dos beneficiários equivale a 50% do rendimento mensal. A exceção é para quem teve o benefício iniciado depois de janeiro deste ano. Nesse caso, a parcela do 13.º é proporcional.
O desconto do imposto de renda não vai ser feito nesta primeira parcela e sim no fim do ano, quando vai ser paga a segunda parte do 13.º. O beneficiário do INSS pode verificar seu extrato de pagamento, com o valor do benefício e da parcela do 13.º, no site meu.inss.gov.br, no link histórico de crédito de benefício. Para isso, é necessário criar senha no próprio site.
Quem tem direito – Os beneficiários do INSS que têm direito ao 13.º salário são os aposentados e pensionistas, além das pessoas que recebem benefícios temporários, como o auxílio-doença. No caso dos benefícios temporários, o valor da parcela do 13.º é proporcional ao período em que a pessoa o estiver recebendo. Apenas não tem direito ao 13.º salário quem recebe benefício assistencial.

Assessoria de Comunicação Social - INSS/SP