Nas épocas de chuvas fortes, várias cidades da Região Metropolitana de São Paulo entram em estado de atenção. Portanto, assim que a chuva começar, a primeira ação é ligar o limpador de para-brisa, indispensável para melhorar a visibilidade e por isso, é importante sempre verificar a condição das borrachas. Um limpador de para-brisa com a borracha desgastada pode prejudicar a visibilidade, aumentando o risco de acidente. Para desembaçar os vidros, quem tem ar condicionado basta acionar o botão do desembaçador, colocar a ventilação no máximo na direção do para-brisa e acionar a passagem de ar externo.

O ar quente também serve para desembaçar.
Caso a chuva esteja muito forte e deixe você sem nenhuma visibilidade, é indicado parar em um local seguro. Lembre-se: em dias de chuva, ou tempestade amplie a distância em relação ao veículo da frente, já que a pista tende a ficar escorregadia.
Conhecido como aquaplanagem, esse fenômeno faz o pneu do veículo perder o contato com o asfalto por causa de uma lâmina de água, provocando o deslizamento do veículo. A melhor forma de prevenir é sempre trafegar com pneus em bom estado (sem estar liso) e reduzir a velocidade, em dias de chuva forte. Mas, se ainda assim o seu carro aquaplanar, a orientação é manter a calma, retirar o pé do acelerador, não pisar nos freios nem virar a direção, até que os pneus voltem a entrar em contato com a pista.
Os motociclistas devem evitar de enfrentar a chuva e esperar, em algum local seguro, que ela passe. Outra dica é ter cuidado ao acelerar, ou fazer uma curva em cima de uma pintura no asfalto. A tinta diminui a aderência do pneu, então é preciso evitar passar em cima delas, quando possível.

Matéria desenvolvida com informações de Maxwell Vieira, diretor-presidente do Detran-SP.